26 de set de 2007

Palestra Nintendo no WICA 07

Ontem fui conferir o WICA 07 (WorkShop de Informática e Computação Aplicada), que acontece nos diversos campus da universidade Cruzeiro do Sul.

Quase desisti pelo frio que fazia, mas o lado nerd falou mais alto.


O campo escolhido por mim foi o da Liberdade. O motivo era meio óbvio a Nintendo estaria lá, promovendo uma palestra e jogatina com Mario Strikers e um jogo que sempre chama a atenção, principalmente dos que ainda não conhecem o console da Nintendo: o WII SPORTS.

A Nintendo colocou uma TV de plasma de 42” e mais 2 promotores para demonstrar o famoso WII. Ainda distribui alguns brindes, como chaveiros exclusivos de WII MOTE em miniatura, canetas e sacolas da empresa.

Resultado? Filas e todo mundo querendo experimentar o WII pela primeira vez.



A palestra que estava marcada para as 19h30min teve um atraso, e começou as 20:00. A sala estava cheia, muitos eram alunos de desenvolvimentos de games da própria universidade.

O sempre bem-humorado Rafael Gómez , deu uma demonstração do poder dos consoles da empresa e mostrou o que a Nintendo tem feito para abocanhar cada vez mais a fatia de pessoas que não joga videogames.



Durante a palestra, Rafael mostrou alguns dados sobre o mercado de games.

- Dentre as empresas de games, a Nintendo é a que mais contribuiu com o crescimento da indústria com 69%, a Sony fica em segundo lugar com 29% e a Microsoft segue em terceiro com apenas 2%.

- Mostrou dados do crescimento dos games nos principais mercados.A América Latina, de longe é o que mais cresceu com 261%, O Japão cresceu 114%, Estados Unidos 46% e Europa 42%·.

-Os paises que mais contribuíram com o crescimento do mercado aqui na América Latina, foram México, e o pequenino Panamá.

- O Panamá consome oficialmente mais produtos Nintendo do que o Brasil.
Isso falando em produtos oficiais, entrado no pais com todos os impostos pago.

Lá o imposto sobre os games é de 10% no total, sem frescura de IPI, ICMS, Cofins, etc...E a população é de aproximadamente 3 milhões de pessoas apenas.

- A Nintendo acredita muito no mercado brasileiro, e acham que pode ultrapassar o mercado mexicano, assim que algumas taxas caírem, ou deixarem de existir.

- A rede de supermercados americana WALL MART, sozinha, compra da Nintendo um equivalente a todas as lojas da América Latina juntas.

-Rafael lembrou que o imposto sobre os games é maior que de uma máquina de bingo. Um absurdo.

-Falou que o mercado de adultos jogando aumentou e muito com a Nintendo WII e com o DS. Citou até sua mãe de 72 anos e suas tias de 71 e 73 anos que jogam WII: “ elas se exercitam com o WII, jogam até boxe”


Uma das partes engraçadas da palestra foi como o Rafael fez para sua mãe e duas tias começarem a jogar o WII.
Ele insistia sempre para elas experimentarem. Porém sempre diziam que aquilo não era para elas e que nunca jogariam, não queriam pagar micos.


Até que o Rafael teve a idéia de pagar em dinheiro. Mas as 3 precisavam ganhar e só quem vencia recebia.
Pronto, as 3 toparam...

Uma das tias sofreu um acidente e não consegue esticar um dos braços.
Mesmo assim, ela que virou uma viciada no WII, quis experimentar o boxe... Todos ficaram preocupados, com o braço machucado.
Porém a empolgação era tanta, que a Tia esqueceu da dor e esticou o braço para dar uma porrada na adversária. O impressionante é que ela nada sentiu, mas após o jogo voltou com o braço no lugar, afirmando que não conseguia esticar.

Será que a Tia só tinha um trauma e medo de esticar o braço novamente?

As 3 senhoras, não gostaram quando Rafael precisou trazer o WII para o Brasil. Ele teve que deixar um la.



Foi falado também no empenho da Nintendo junto com
o governo para a redução de impostos.
A pirataria também foi lembrada, a Nintendo esta ciente do problema que enfrenta com seus consoles.

Rafael desmentiu também os boatos sobre a Fábrica do Brasil e sobre a Mídia SMD. “Eles falaram sobre isso, pena que não avisaram Nintendo, lá não estão sabendo de nada”

sobre a Fabrica: “ a Nintendo só tem fabrica na China e Japão, a Nintendo não pensa sem criar outras pelo mundo, a Nintendo tem um padrão enorme de qualidade, e com fabricas em todo o canto do mundo esse padrão pode cair.
Se fosse para a Nintendo abrir alguma, provavelmente seria nos EUA, onde tem o maior mercado de todos.”

Realmente faz sentido.

Um video inédito de Mario Galaxy foi mostrado, junto com o BWii, Mario Party Ds, e um jogo japa que não entendi direito do que tratava.

Após quase 2 horas de conversa sobre o mercado de games e algumas histórias engraçadas, Rafael deu por encerrada a palestra, convidando todos para jogar um pouco mais de WII.

6 comentários:

  1. nossa que legal ...queria um chaveiro desses

    ResponderExcluir
  2. Muitoo legal a participação da Latamel nesse tipo de eventos, ajuda a algumas pessoas a entenderem um pouco mais sobre mecânica dessa indústria, e além disso trata de forma mais transparentes as ações que a Latamel vem fazendo no Brasil. E lógico tudo acompanhando de uma bela jogatina.


    P.S Quero um chaveiro desses... =(

    ResponderExcluir
  3. Com certeza xtreme.

    A Nintendo, ta tentando. Tomara que tudo de certo.

    E vem mais novidades por ai.
    O final do ano promete.

    ResponderExcluir
  4. Extremamente triste que eu não pude ir. Mas são ótimos dados e notícias divulgados, este fim de ano promete muito para a Nintendo NO Brasil.

    ResponderExcluir
  5. gata a mulher ..e que calça branca!!

    ResponderExcluir
  6. Muito legal a participação da Nintendo em palestras assim, gostaria de ter ido. Espero que a Latamel consiga alguma parceria no Brasil pra facilitar a importação ou conseguir mais propaganda por aqui.

    ResponderExcluir